CIL - Comissão Interluterana de Literatura  
   português  english
Menu
Página Inicial
Quem somos
Obras de Lutero
Obras Selecionadas
Chave Multilíngue
A vida de Lutero
Castelo Forte
Confissão de Augsburgo
Convênio de Cooperação
Conferência Nacional Interluterana
Literatura sobre Lutero
Hinos de Lutero
Igrejas Luteranas
Medite com o Castelo Forte
Meditações de Lutero
Um homem do Milênio
Informativos
O Abraço de Deus
Dicas de Redação
Contate-nos
Procure por mensagens
 
 
Castelo Forte
 

Mensagens do Castelo Forte
- Presente o ano todo -

 

18/01/2008

Vinho novo em odres novos
Marcos 2.18-22

 

Ninguém põe vinho novo em odres velhos (v. 23).
Um eremita viveu durante 30 anos num rochedo, a fim de agradar a Deus. Uma noite, martirizou-o a idéia de que o céu estava vazio de pessoas salvas. Então, um sopro de vento sussurrou-lhe que descesse da rocha e procurasse um homem chamado Panfalão.
O “santo do rochedo” fez uma longa caminhada até encontrar a pessoa procurada. Tratava-se de um palhaço que divertia o público. O eremita observou-o durante alguns dias e, enfim, o entrevistou. Quando lhe perguntou qual era a sua atitude em relação a Deus, Panfalão respondeu: “Eu o amo”. O eremita reconheceu que ele mesmo não tinha amor a Deus nem a seus semelhantes. Decidiu, então, não voltar mais para o rochedo, mas servir a Deus e aos homens com os seus dons, como aprendera do palhaço.
Jesus adverte os seus seguidores que a fé e a nova vida que lhes havia dado deveriam renovar completamente a sua personalidade. Compara a fé com vinho novo e a vida nova com odres novos. Odres eram sacos de couro para armazenar líquidos. Vinho novo deveria ser colocado em odres novos, pois os velhos rebentavam com a fermentação. Assim é a fé em Jesus: só pode conservar-se nas pessoas que foram transformadas e renovadas pelo Evangelho. As principais características de uma pessoa renovada pela fé em Cristo são o amor e o serviço a seus semelhantes.
E nós, que vivemos num ambiente civilizado, usamos os nossos dons para o bem dos outros, ou nos refugiamos num mundinho só nosso? Carregamos o vinho novo em odres novos?

 

 

 

Senhor Jesus, dá-me uma fé viva em tua salvação que transforme também a minha vida. Faze-me dizer como o apóstolo Paulo: “Nunca fiquemos desanimados. Mesmo que o nosso corpo vá se gastando, o nosso espírito vai se renovando dia a dia”. Amém. (2 Coríntios 4.16)


encaminhe encaminhe | imprima imprima


Leia as meditações anteriores através do nosso histórico:

 

  Mensagem do dia 25/12/2008
  Mensagem do dia 18/12/2008
  Mensagem do dia 11/12/2008
  Mensagem do dia 04/12/2008
  Mensagem do dia 24/11/2008
  Mensagem do dia 17/11/2008
  Mensagem do dia 10/11/2008
  Mensagem do dia 27/10/2008
  Mensagem do dia 20/10/2008
  Mensagem do dia 13/10/2008
  Mensagem do dia 06/10/2008
  Mensagem do dia 25/09/2008
  Mensagem do dia 18/09/2008
  Mensagem do dia 11/09/2008
  Mensagem do dia 04/09/2008
  Mensagem do dia 25/08/2008
  Mensagem do dia 18/08/2008
  Mensagem do dia 11/08/2008
  Mensagem do dia 04/08/2008
  Mensagem do dia 25/07/2008
  Mensagem do dia 17/07/2008
  Mensagem do dia 09/07/2008
  Mensagem do dia 01/07/2008
  Mensagem do dia 25/06/2008
  Mensagem do dia 18/06/2008
  Mensagem do dia 11/06/2008
  Mensagem do dia 02/06/2008
  Mensagem do dia 24/05/2008
  Mensagem do dia 17/05/2008
  Mensagem do dia 09/05/2008
  Mensagem do dia 24/04/2008
  Mensagem do dia 17/04/2008
  Mensagem do dia 10/04/2008
  Mensagem do dia 03/04/2008
  Mensagem do dia 27/03/2008
  Mensagem do dia 20/03/2008
  Mensagem do dia 13/03/2008
  Mensagem do dia 06/03/2008
  Mensagem do dia 23/02/2008
  Mensagem do dia 16/02/2008
  Mensagem do dia 08/02/2008
  Mensagem do dia 01/02/2008
  Mensagem do dia 25/01/2008
  Mensagem do dia 18/01/2008
  Mensagem do dia 11/01/2008
  Mensagem do dia 04/01/2008
   
  Mensagens de 2017
  Mensagens de 2016
  Mensagens de 2015
  Mensagens de 2014
  Mensagens de 2013
  Mensagens de 2012
  Mensagens de 2011
  Mensagens de 2010
  Mensagens de 2009
  Mensagens de 2007
  Mensagens de 2006
  Mensagens de 2005
  Mensagens de 2004
  Mensagens de 2003
  Mensagens de 2002
Editoras

Editora Sinodal
Rua Amadeo Rossi, 467
CEP: 93.030-220
São Lopoldo - RS
Fone/Fax: (51) 3037-2366
www.editorasinodal.com.br
editora@editorasinodal.com.br
Editora Concórdia

Avenida Pátria, 466
CEP: 90.230-070
Porto Alegre – RS
Fone/fax: (51) 3272-3456

www.editoraconcordia.com.br
editora@editoraconcordia.com.br
Atenção!
Envie sua opinião e sugestões sobre o site da CIL para:

cil@lutero.com.br
Deseja adquirir algum produto de nossas editoras?
Confira a lista de distribuidores:
Editora Sinodal
Editora Concórdia
 
Caixa Postal: 11 - CEP: 93001-970 - São Leopoldo - RS - Brasil - Fone: (51) 3037-2366   
Desenvolvimento PW Agency