CIL - Comissão Interluterana de Literatura  
   português  english
Menu
Página Inicial
Quem somos
Obras de Lutero
Obras Selecionadas
Chave Multilíngue
A vida de Lutero
Castelo Forte
Confissão de Augsburgo
Convênio de Cooperação
Conferência Nacional Interluterana
Literatura sobre Lutero
Hinos de Lutero
Igrejas Luteranas
Medite com o Castelo Forte
Meditações de Lutero
Um homem do Milênio
Informativos
O Abraço de Deus
Dicas de Redação
Contate-nos
Procure por mensagens
 
 
Castelo Forte
 

Mensagens do Castelo Forte
- Presente o ano todo -

 

09/05/2008

Deveres de marido e esposa
1 Coríntios 7.1-16

 

O homem deve cumprir o seu dever como marido, e a mulher também deve cumprir o seu dever como esposa (v. 3).
Os tempos mudaram. Houve época em que o marido era o provedor do lar. A mulher era responsável pela casa e pela educação dos filhos: era a rainha do lar, como diziam. Os papéis estavam bem definidos e eram distintos. Hoje, no entanto, as mulheres disputam o mercado de trabalho com os homens. Em muitos casos, tornam-se as provedoras financeiras da família. Surgem questionamentos quanto aos deveres de um e de outro.
Ronildo está desempregado. Devido a isso, ele cuida das tarefas domésticas. Leva o filhos à escola e os busca. Mirta, sua esposa, está bem empregada e é responsável pelo sustento da família. O marido é motivo de zombaria da parte dos familiares de Mirta. Com baixa auto-estima, ele procura o pastor de sua comunidade. O pastor ouve o que Ronildo tem a dizer. Percebe sua crise do masculino. Leva-o a sério como pessoa. Mostra que o dever de marido e mulher é o de ajuda mútua, de parceria.
A partir do diálogo com o pastor, Ronildo fez as pazes com a sua masculinidade. Concluiu que sua atividade em casa é importante. Sabe que Mirta o ama e que ele está mais próximo dos seus filhos do que em anos passados. Liberto dos preconceitos que cultivava, Ronildo esforça-se para ser pai e marido dedicado. Continuará em busca de um emprego, mas sem aquela angústia de antes. Quer, também, colaborar com seus dons na comunidade.
E vocês? Como estão lidando com os seus deveres de marido ou esposa?

 

 

 

Bondoso Deus, nós te pedimos: auxilia as famílias para que trabalhem de forma adequada a questão dos deveres de marido e esposa, em nossos dias. Concede que esposa e marido se valorizem como pessoas amadas por ti, e vivam em paz consigo mesmos. Por Jesus Cristo. Amém.


encaminhe encaminhe | imprima imprima


Leia as meditações anteriores através do nosso histórico:

 

  Mensagem do dia 25/12/2008
  Mensagem do dia 18/12/2008
  Mensagem do dia 11/12/2008
  Mensagem do dia 04/12/2008
  Mensagem do dia 24/11/2008
  Mensagem do dia 17/11/2008
  Mensagem do dia 10/11/2008
  Mensagem do dia 27/10/2008
  Mensagem do dia 20/10/2008
  Mensagem do dia 13/10/2008
  Mensagem do dia 06/10/2008
  Mensagem do dia 25/09/2008
  Mensagem do dia 18/09/2008
  Mensagem do dia 11/09/2008
  Mensagem do dia 04/09/2008
  Mensagem do dia 25/08/2008
  Mensagem do dia 18/08/2008
  Mensagem do dia 11/08/2008
  Mensagem do dia 04/08/2008
  Mensagem do dia 25/07/2008
  Mensagem do dia 17/07/2008
  Mensagem do dia 09/07/2008
  Mensagem do dia 01/07/2008
  Mensagem do dia 25/06/2008
  Mensagem do dia 18/06/2008
  Mensagem do dia 11/06/2008
  Mensagem do dia 02/06/2008
  Mensagem do dia 24/05/2008
  Mensagem do dia 17/05/2008
  Mensagem do dia 09/05/2008
  Mensagem do dia 24/04/2008
  Mensagem do dia 17/04/2008
  Mensagem do dia 10/04/2008
  Mensagem do dia 03/04/2008
  Mensagem do dia 27/03/2008
  Mensagem do dia 20/03/2008
  Mensagem do dia 13/03/2008
  Mensagem do dia 06/03/2008
  Mensagem do dia 23/02/2008
  Mensagem do dia 16/02/2008
  Mensagem do dia 08/02/2008
  Mensagem do dia 01/02/2008
  Mensagem do dia 25/01/2008
  Mensagem do dia 18/01/2008
  Mensagem do dia 11/01/2008
  Mensagem do dia 04/01/2008
   
  Mensagens de 2017
  Mensagens de 2016
  Mensagens de 2015
  Mensagens de 2014
  Mensagens de 2013
  Mensagens de 2012
  Mensagens de 2011
  Mensagens de 2010
  Mensagens de 2009
  Mensagens de 2007
  Mensagens de 2006
  Mensagens de 2005
  Mensagens de 2004
  Mensagens de 2003
  Mensagens de 2002
Editoras

Editora Sinodal
Rua Amadeo Rossi, 467
CEP: 93.030-220
São Lopoldo - RS
Fone/Fax: (51) 3037-2366
www.editorasinodal.com.br
editora@editorasinodal.com.br
Editora Concórdia

Avenida Pátria, 466
CEP: 90.230-070
Porto Alegre – RS
Fone/fax: (51) 3272-3456

www.editoraconcordia.com.br
editora@editoraconcordia.com.br
Atenção!
Envie sua opinião e sugestões sobre o site da CIL para:

cil@lutero.com.br
Deseja adquirir algum produto de nossas editoras?
Confira a lista de distribuidores:
Editora Sinodal
Editora Concórdia
 
Caixa Postal: 11 - CEP: 93001-970 - São Leopoldo - RS - Brasil - Fone: (51) 3037-2366   
Desenvolvimento PW Agency