24 de dezembro de 2017

Não tenham medo

Lucas 2.8-12

 "Não temais; eis aqui vos trago boa-nova de grande alegria, que o será para todo o povo." (v. 10)

Essas palavras indicam que esse Rei nasceu para aqueles que vivem em temor e tremor, e que somente esses fazem parte de seu reino. A esses deve-se anunciar uma mensagem semelhante àquela que o anjo trouxe aos pobres e atemorizados pastores: “Eis aqui lhes trago boa nova de grande alegria”. Essa alegria, na verdade, é oferecida a todo o povo; mas apenas aqueles que têm consciências atribuladas e corações atemorizados podem sentir essa alegria. Esses me pertencem e são alvo de minha mensagem; a esses quero anunciar boas novas. Não é maravilhoso que essa alegria esteja mais ao alcance justamente daqueles que sentem maior intranquilidade de consciência? O mundo está contente quando tem bens, dinheiro, glória e poder. Agora, um coração atribulado e miserável não deseja outra coisa senão paz e consolo, certeza de queDeus lhe é gracioso. Essa alegria, que traz descanso e paz ao coração atribulado, é tão grande que ofusca a alegria do mundo. Por isso é necessário que as pobres consciências ouçam uma mensagem semelhante à do anjo: Prestem bem atenção, vocês que estão tristes e sentem-se miseráveis, pois eu lhes trago uma boa notícia. Pois ele não se fez homem e veio ao mundo para lançá-los ao inferno, muito menos foi ele crucificado e morto por essa razão; ao contrário, veio para que vocês tivessem nele muita alegria. Se você deseja uma definição correta e uma descrição precisa de Cristo, ou seja, dizer quem e o que ele é, deve dar ouvidos à definição e descrição do anjo: Ele é e se chama “Grande Alegria”. Quisera podermos aprender e assimilar bem essa definição! Porque nela reside poder. M. Lutero